Cada Minuto

buscar

Polícia

assine RSS

Postado em por Anna Cláudia Almeida e Paulo Chancey Junior em NotíciasPolícia

Morte de Roberta Dias foi encomendada pela mãe do namorado

Jovem teria se negado a realizar aborto e foi assassinada a pedido da ex-sogra que está foragida

Numa manhã na qual o emblemático crime que vitimou a jovem Roberta Dias, em 2012 foi solucionado, detalhes do assassinato foram revelados pelo Coordenador da Delegacia de Homicídios, Cícero Lima. Segundo o delegado, a mãe do então namorado da vítima foi a mandante do crime bárbaro.

Após uma operação realizada na manhã desta sexta-feira Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic) e pela Diretoria de Polícia Judiciária da Área 2, comandadas, respectivamente, pela delegada Ana Luiza Nogueira e pelo delegado Nilson Alcântara, foram presas nove pessoas que teriam envolvimento com o tráfico de drogas e com crimes, inclusive do de Roberta.

Em entrevista ao programa “Lance Livre” da rádio Penedo FM, o delegado Cícero Lima, que está em Maceió mas acompanhou todos os detalhes da operação, afirmou que a mandante do crime que vitimou Roberta Dias foi a mãe do namorado, de quem a jovem estava grávida.

“Dias antes de desaparecer, a mãe do namorada esteve na casa de Roberta e tentou convencê-la a fazer o aborto. Já que a jovem não quis, ela a ameaçou e disse”...Você vai ver o que vai lhe acontecer”. Daí, ela pagou para que o crime fosse efetuado”, disse.

A autora intelectual do crime foi identificada apenas pelo primeiro nome Meirijane e teria pago R$ 30 mil para concretizar o assassinato. Ela segue foragida mas, assim como o seu paradeiro, a equipe da Delegacia de Homicídios irá acompanhar os depoimentos dos presos que já estão em Maceió, novas informações e principalmente, onde está o corpo da jovem Roberta Dias.

“Numa possível delação premiada, os responsáveis irão indicar onde está o corpo de Roberta. Espero que não seja como o caso do goleiro Bruno, que mesmo após as prisões, o corpo da jovem não foi encontrado”, afirmou o delegado se referindo ao caso do ex-goleiro do Flamengo Bruno, preso e condenado e ser o autor intelectual do crime que vitimou sua amante, Elisa Samúdio.

Das nove pessoas presas na operação, o delegado ainda contou detalhes de como teria acontecido o crime. Segundo ele, o Policial Civil identificado apenas como Idalino, que trabalhou na delegacia de Igreja Nova e atualmente estava na Regional de Arapiraca, teria abordado a jovem com uma pistola e colocado em um carro vermelho. A ação criminosa teria sido presenciada por Sérgio Bento, conhecido na região e o carro teria sido dirigido por um homem identificado como “Som”.

Os presos e mais detalhes serão apresentados numa coletiva de imprensa na sede da Delegacia Geral da Polícia Civil em Maceió, às 14h. 

A informação da elucidação do caso foi confirmada, nesta sexta-feira, pelo secretário de Estado da Defesa Social, Dário César, por meio de sua página pessoal, no Facebook, que ainda confirmou o envolvimento de “maus policiais” no caso de desaparecimento.

Postado em por Redação com assessoria em NotíciasPolícia

Policiais e secretário de comunicação são presos em operação em Penedo

Nove pessoas foram detidas envolvidas na morte de Roberta Dias e crimes de tráfico de drogas

A operação desencadeada pela Polícia Civil, na manhã desta sexta-feira (06), para efetuar prisões referentes ao caso do desaparecimento da jovem Roberta Dias culminou com o desmembramento em relação ao tráfico de drogas e práticas de outros homicídios, na região do Baixo São Francisco, em Penedo.

Segundo informações divulgadas no site da Polícia Civil, nove pessoas envolvidas com esses crimes no município. O trabalho foi desenvolvido pela Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic) e pela Diretoria de Polícia Judiciária da Área 2, comandadas, respectivamente, pela delegada Ana Luiza Nogueira e pelo delegado Nilson Alcântara.

“A operação teve o objetivo de desarticular uma organização criminosa envolvida com crimes de homicídios e tráfico de drogas na região do baixo São Francisco”, disse a delegada Ana Luiza Nogueira. A delegada disse ainda que as investigações da Polícia Civil conseguiram esclarecer três casos de homicídios na região.

Policiais civis, pessoas da comunidade local e o secretário municipal de Comunicação, Rafael Medeiros, estão entre os presos.  Segundo a delegada, entre os crimes está o da jovem Roberta Dias, ocorrido no ano passado, que vinha sendo investigado por uma comissão de delegados composta pela própria delegada Ana Luiza (diretora da Deic), Cícero Lima (coordenador da Delegacia de Homicídios), Rodrigo Sarmento (Deic – Antisequestro), por determinação do delegado-geral Paulo Cerqueira.

A Polícia Civil dará todos os detalhes da operação às 14 horas desta sexta-feira, na sede da Delegacia Geral da instituição, em Jacarecica.

Postado em por Redação em NotíciasPolícia

Criminosos se passam por funcionários e roubam armas de vigilantes do HGE

Nem mesmo o Hospital Geral do Estado (HGE) conseguiu se livrar das ações criminosas cada dia mais comuns em Maceió. Nessa quinta-feira (05) dois indivíduos utilizaram o fardamento de uma empresa de serviços gerais que atende a Universidade de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal) e o Hospital Hélvio Auto para se passar por funcionários, entrar no HGE e realizar um assalto.

Os verdadeiros funcionários do local foram rendidos e dois vigilantes agredidos pelos criminosos. As armas dos profissionais de segurança foram levadas. Após concluir a ação, a dupla foragiu em uma motocicleta de características não anotadas.

A ocorrência foi confirmada por funcionários do HGE e por militares de um posto policial que funciona no local, no entanto, a polícia não revelou se foram feitas diligências no sentido de localizar os acusados.

Nota do HGE

A Direção do Hospital Geral do Estado vem de público esclarecer que, preza pela segurança dos seus servidores e usuários. Esclarece que, o incidente ocorrido no início da tarde de ontem, não foi descuido do profissional que se encontrava no momento em que dois elementos invadiram o estacionamento.

Isso porque, o chefe da segurança, Luís Paulo, que se encontra de plantão nesta sexta-feira (6), informou que, por volta das 13h15 da última quinta-feira (5), dois elementos vestindo farda de uma empresa que presta serviço à Universidade de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal), aproveitando o momento em que um veículo estava saindo, entraram no estacionamento e renderam o vigilante, que não teve chance de defesa.

“Supomos que os dois estavam observando o movimento e, quando o veículo saiu, eles aproveitaram e entraram. Um imobilizou o vigilante, retirou a arma e ainda o ameaçou. Após retirarem o revólver, saíram caminhando em direção a Viação Veleiro”, frisou.

Ainda de acordo com ele, as imagens do sistema da unidade hospitalar mostram que os dois assaltantes chegaram andando e, não de moto como foi divulgado nos meios de comunicação. A direção do HGE, juntamente com a empresa que presta serviço de segurança, está tomando as medidas cabíveis. 

Postado em por Anna Cláudia Almeida e Paulo Chancey Junior em NotíciasPolícia

Caso Roberta Dias: 'maus policiais' estão envolvidos no desaparecimento

Operação comandada pela Deic é desencadeada para prender acusados do crime em Penedo

Parece já ter um desfecho o misterioso desaparecimento de Roberta Costa Dias, ocorrido em 11 de abril de 2012, na cidade de Penedo. Grávida, a jovem deixou sua residência para realizar um exame de pré-natal e nunca mais foi vista.

A informação da elucidação do caso foi confirmada, nesta sexta-feira, pelo secretário de Estado da Defesa Social, Dário César, por meio de sua página pessoal, no Facebook, que ainda confirmou o envolvimento de “maus policiais” no caso de desaparecimento.

Dário César disse ser intolerável a participação de policiais em crime. “Infelizmente, encontramos maus policiais envolvidos. Não podemos tolerar essa prática, pois somos pagos pelo Estado para proteger a sociedade, que é formada por todos nós! O policial quando comete crime ele torna-se pior que o bandido comum, pois faz uso de suas prerrogativas, arma, etc, travestindo-se de polícia para praticar seus desatinos! Cortar na própria carne dói, mas é essencial para construirmos uma Alagoas melhor!”, colocou o secretário.

Relembre o caso

Roberta foi vista pela última vez em Penedo no dia 11 de abril de 2012 quando saiu de casa para realizar um exame pré-natal. A família contou que antes de desaparecer, ela foi vista na casa do namorado e depois na companhia de uma amiga que a acompanhou na consulta. Depois disso, ela nunca mais foi vista.

O namorado de Roberta, pai do filho que ela esperava, chegou a ser apontado como suspeito pela polícia, mas ele negou qualquer pressão e afirmou que não sabia da gravidez da namorada.

O celular da jovem foi encontrado dois meses depois de seu desaparecimento em um terreno baldio próximo á unidade de saúde. O aparelho foi revendido e recuperado tempo depois. A Polícia Civil em Penedo chegou a interrogar o namorado, a amiga e familiares de Roberta, mas em nenhum dos depoimentos foi encontrado algum detalhe que ajudasse a solucionar o caso.

O computador e o telefone da jovem também chegaram a ser periciados. Ainda no ano passado, um corpo com características semelhantes ao da jovem foi encontrado em Coruripe e a polícia chegou a suspeitar que fosse Roberta. Porém, os exames mostraram que não se tratava da jovem desaparecida.

O caso voltou à tona após a desembargadora Elisabeth Carvalho cobrar a elucidação do caso durante uma sessão do Pleno do Tribunal de Justiça em abril deste ano.

Também em abril, familiares e amigos da jovem concederam entrevista ao CadaMinuto. A irmã de Roberta, Amanda Costa Dias, relatou que foi um ano muito difícil para família, que vem sofrendo com o “silêncio” da Polícia Civil. A investigação do caso, coordenada pelo titular da Delegacia Regional de Penedo, Rubéns Natário, foi entregue à Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic). Segundo Amanda, mesmo com a Deic à frente o caso nada mudou sobre as respostas dadas pela Polícia.

Postado em por Redação em NotíciasPolícia

Polícia recupera veículo e equipamentos roubados

Na tarde desta quinta-feira (5) a polícia recuperou diversos objetos que haviam sido roubados. Os equipamentos foram encontrados no Sitio Poço de Santana, Chácara Juliana, Zona Rural de Arapiraca.

Foram recuperados dois amplificadores, um crossover X3, um transformador, um capacitor High, um Twiter Hinor, uma corneta, dois alto falantes, uma bateria, um pneu Goodyear, um par de sandálias, um suporte Para Lona, caçamba de veiculo e dois chips telefônicos. Os objetos foram recolhidos e levados para a Central de Polícia.

O dono, que havia prestado queixa de roubo, teve seus equipamentos e veículo, uma Pickup strada cinza 2012 e placa NMM-6984, roubados. O veículo foi encontrado durante a manhã desta quinta-feira (5) em Limoeiro de Anadia.

De acordo com informações da polícia, os objetos foram localizados após a proprietária do imóvel comunicar que havia encontrado os objetos.

Postado em por Redação em NotíciasPolícia

Idosa morre após ser atropelada na rodovia BR-101

A idosa Maria José da Silva morreu após ser atropelada em um trecho da rodovia BR-101 na tarde desta quinta-feira (5).

De acordo com testemunhas, a idosa foi atropelada por uma moto, de modelo, placa e cor não identificadas, quando atravessava um trecho próximo ao município de Junqueiro. O motociclista fugiu do local sem prestar socorro.

Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada para prestar atendimento, mas a vítima já estava em óbito.

Uma equipe do Instituto Médico Legal esteve no local para realizar os procedimentos cabíveis.

Postado em por Karine Amorim - colaboradora em NotíciasPolícia

Militares dizem que saída de comandante foi represália, mas CPC nega

A polêmica envolveu o vereador Silvânio Barbosa (PSB) e o comandante do 5º BPM, o coronel Pantaleão

A polêmica envolvendo o vereador Silvânio Barbosa (PSB) e o comandante do 5º Batalhão da Polícia Militar, coronel Pantaleão, ao que parece, não chegou ao fim. Isto porque, para os militares, as declarações do vereador durante as festividades de São João, no bairro do Benedito Bentes, resultaram na saída do coronel Pantaleão na última quarta-feira (4). Pantaleão saiu do 5º BPM para atuar em um cargo administrativo.

A saída, que foi publicada no boletim da corporação, revoltou os policiais. “A ação protagonizada pelo vereador Silvânio Barbosa foi lamentável, desequilibrada e desrespeitosa”, afirmaram os oficiais militares em nota emitida ao Cada Minuto. “Agora, com a saída do coronel, o comando da corporação e a presidência da classe dos oficiais precisam se posicionar juridicamente diante de acontecimentos como este. O vereador, além de desrespeitar a classe da polícia, disse que o coronel iria sair do comando. E, agora, o coronel Pantaleão saiu. É muita coincidência”, afirmaram os policiais.

À época, o vereador negou ao Cada Minuto as denúncias e afirmou que tudo que está sendo dito “foi inventado”.

O Coronel Neuton Boia, comandante de Policiamento da Capital (CPC), negou a possibilidade de relação entre a saída do coronel Pantaleão e às declarações do vereador. “Em nenhum momento o vereador interveio em nossa decisão. Assim como no comando do 5º BPM, outras unidades sofreram modificações, a exemplo do Batalhão Escolar”, afirmou.

Boia explicou ainda que a decisão pela transferência aconteceu entre o CPC, o subcomandante e o comando geral. “Nós nos reunimos, analisamos os prós e contras e decidimos pela transferência. É um processo absolutamente normal”, explicou.

O comandante do CPC disse ainda que em relação às declarações do vereador Barbosa, na época, orientou o coronel Pantaleão a entrar com ação judicial.

O presidente da Associação dos Oficiais Militares de Alagoas (Assomal), Major Fragoso, também afirmou acreditar que a transferência do coronel não possui relação com as declarações de Barbosa e lamentou as possíveis declarações do vereador. “Eu não estava no momento das declarações, mas se elas forem verdadeiras, é lamentável. Esta não é postura de um parlamentar”, concluiu.

 

 

Postado em por Ascom - PC/AL em NotíciasPolícia

Dois são presos em operação para combater tráfico e homicídios no Pilar

Uma operação, desencadeada pela Polícia Civil, na manhã desta quinta-feira (5), para combater o tráfico de drogas e homicídios na região do Pilar, resultou na prisão de dois acusados nesses crimes.

O trabalho, comandado pelo delegado Renivaldo Batista, mobilizou equipes da delegacia distrital do Pilar, com o apoio da Asfixia.

Hugo Fernando Lins Duarte, 28 anos, e John Aldo Ales Leobino da Paz, 24, conhecido por “Joaldo”, foram presos na localidade Chã do Pilar, onde faziam o comércio da droga. Os dois tinham mandado de prisão decretado pelo juiz Sandro Augusto.

Em 19 de junho passado, Hugo e “Joaldo” haviam sido presos, também por tráfico, juntamente com Jefferson Barros Reis, o “Pinguim”, na cidade do Pilar, porém já se encontravam em liberdade, e novamente atuando no tráfico.

Os dois são acusados ainda do assassinato de Edvan Júnior de Oliveira Mendonça, crime ocorrido em 13 de junho deste ano, na Chã do Pilar.

Na mesma operação, o adolescente A.J.L.L., de 16 anos, trocou tiros com os policiais durante cerco a uma “boca de fumo”, na Rua do Forno, na Chã do Pilar, e acabou baleado. Com ele, foram apreendidos um revólver e pedras de crack.

O adolescente foi levado para o Hospital Geral do Estado (HGE), em Maceió.

Postado em por Redação com Assessoria em NotíciasPolícia

Operação da PRF prende ex-reeducanda com carro roubado na BR 316

Uma operação de rotina da Polícia Rodoviária Federal (PRF) resultou na prisão de uma mulher de 35 anos, na  madrugada desta quinta-feira(5), no km 280 da BR 316, em Maceió. O motivo da prisão, seria a apresentação falsa do  documento com registro de roubo/furto durante uma fiscalização da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Os agentes ao realizarem uma abordagem no veículo GM/Celta e verificarem a documentação, constataram que o Certificado de Registro de Licenciamento de Veículo (CRLV) possuía ocorrência de roubo/furto registrada em janeiro de 2011.

A condutora do veículo, empresária e reeducanda em liberdade através do Alvará de Soltura, já cumpriu pena por tráfico de drogas. A ocorrência foi encaminhada para a Central de Flagrantes de Maceió.

Além disso, um homem de 49 anos, condutor de um Fiat/Uno Mille com placa de Alagoas, foi preso por portar ilegalmente um revolver Rossi, calibre 38, com 8 munições intactas.

Com essa apreensão, 9 armas foram retiradas de circulação desde agosto pela PRF.

Postado em por Redação em NotíciasPolícia

Menor de 17 anos é apreendido com grande quantidade de munição e armas

Segundo os órgãos de segurança e instituições que acompanham os registros de ocorrências, principalmente de tráfico de entorpecentes, a cada dia menores são recrutados para atuar nesse tipo de crime, de certo pela não detenção dos mesmos quando são apreendidos. A certeza da impunidade vem fazendo esses adolescentes ganharem espaço na criminalidade, fato constatado na noite dessa quarta-feira (04) quando um menor de 17 anos foi apreendido acusado de ser o dono de um grande ponto de venda de drogas, no conjunto Santos Dumont.

Além da droga encontrada na residência no adolescente, sacos e papéis utilizados na embalagem do material para comercialização e uma máquina de triturar crack, os policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) encontraram em um dos quartos uma grande quantidade de munição.

Foram apreendidas no local vinte munições de pistola, um carregador e caixas com balas de calibres 12, 32, 38 e 44; além de uma espingarda e uma pistola calibre 765 de uso restrito da polícia.

O acusado foi apreendido e encaminhado junto com o material à Central de Flagrantes, localizada na Avenida Fernandes Lima, no bairro do Farol, onde o mesmo foi ouvido pelo delegado plantonista e teve um ato infracional por tráfico de entorpecente e posse ilegal de arma de fogo confeccionado contra ele.

Postado em por Redação em NotíciasPolícia

Residência é invadida por criminosos e moradores feitos reféns em roubo

 

Uma residência, localizada na Rua Miguel Palmeira, no bairro do Farol, foi invadida por criminosos armados que renderam moradores e realizaram um arrastão, levando vários eletrodomésticos. Segundo o proprietário do imóvel, Efram José Lira de Almeida, 55, após  cometerem o crime os bandidos foragiram em uma veículo Polo Sedan, de placa e cor não anotadas.

Os moradores acionaram a polícia e uma guarnição pertencente ao Batalhão de Polícia Militar se dirigiu até o local onde constatou o fato e ouviu o relato das vítimas, que informaram que toda a ação foi rápida e que durante o roubo eles permaneceram sob a mira de armas de fogo.

Diligências foram realizadas no sentido de localizar os criminosos, mas as aços não obtiveram êxito e ninguém foi detido.

Postado em por Redação em NotíciasPolícia

Corpo é encontrado na praia do Pontal da Barra; siris devoraram parte da orelha

O corpo de um homem, ainda não identificado, foi encontrado por populares nessa quarta-feira (04) na praia do Pontal da Barra. A polícia foi acionada e uma guarnição se dirigiu até o local. Segundo os militares, a causa da morte possivelmente seria afogamento. Apesar de não possuir identificação, uma característica no cadáver chamou a atenção de todos, ele possuía dezesseis anéis em uma das mãos .

A guarnição que atendeu a ocorrência não soube precisar há quanto tempo o homem teria morrido, no entanto os policiais estimavam, pelo estado do corpo, que ainda não apresentava inchaço, que a morte não teria se dado há muitas horas. Outro fato que chamou bastante atenção foi o de parte da orelha e do rosto do cadáver ter sido devorada por siris.

Peritos do Instituto de Criminalística (IC) estiveram no local e realizaram os levantamentos cabíveis na cena do achado, nenhum resquício de violência foi detectado, o que fortaleceu a hipótese de afogamento. Após a realização de todos os trabalho o corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal.

Postado em por Karine Amorim - colaboradora em NotíciasPolícia

Rebelião em delegacia de União dos Palmares é controlada por policiais militares

Os 60 detentos da Delegacia Regional de União dos Palmares iniciaram uma rebelião na tarde desta quarta-feira (4). A ação, que teve início por volta das 14h, foi controlada por polícias militares às 19h, aproximadamente.

De acordo com um agente da delegacia, que preferiu não se identificar, a principal reivindicação dos detentos é a falta de estrutura da delegacia para acomodar os 60 detentos nas três celas. Outra exigência dos presos é pela visitação íntima.

Durante a rebelião, foram quebrados cadeados e grades. Para impedir a fuga dos detentos, a polícia militar utilizou spray de pimenta e balas de borracha. Policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e do Tigre também estiveram no local.

Após a rebelião, a expectativa é a de que os presos sejam transferidos, segundo informou o agente.

 

Postado em por Assessoria - PC-AL em NotíciasPolícia

PC divulga fotografia de adolescente desaparecida no bairro do Bom Parto

A Polícia Civil divulgou, na tarde desta quarta-feira (04), fotografia da adolescente Maria Clara Gois de Miranda, de 15 anos, que está desaparecida desde a segunda-feira (02).

Familiares da garota procuraram a Delegacia dos Crimes Contra a Criança e o Adolescente para comunicar o desaparecimento, ocorrido no bairro do bairro Bom Parto, Maceió, onde reside.

A Polícia Civil alerta a quem tiver informações sobre as adolescentes comunique pelo telefone 3315-9941, ou pelo Disque Denúncia – 181.

Postado em por Karine Amorim - colaboradora em NotíciasPolícia

Acusada de cometer latrocínio em Atalaia é presa em Delmiro Polícia pela Polícia Civil

Policiais integrantes da 1º Delegacia Regional de Delmiro Gouveia prenderam na tarde desta quarta-feira (4) uma mulher acusada de latrocínio.

Marcela Amorim da Silva, de 38 anos, possuía um mandado de prisão expedido pela Comarca do município de Atalaia pelo crime de latrocínio.

A polícia não informou o nome da vítima.